Home/ Destaques/ Campanha Salarial

Campanha Salarial de São Paulo – 2019/2020

TRABALHADORES NA LUTA PARA GARANTIR REAJUSTES E MANUTENÇÃO DOS DIREITOS!

ChiquinhoCSSP

A Campanha Salarial da nossa categoria em São Paulo começou em agosto e o esforço do Sindicato iniciar as negociações com o sindicato patronal o quanto antes para garantir um bom resultado na Convenção Coletiva de Trabalho, e garantir bons Acordos Coletivos nas empresas.

imperioso construirmos um processo de negociações que propicie a realização e o aprofundamento dos debates com os trabalhadores e trabalhadoras, garantindo a participação de todos. Afinal, a categoria precisa entender que sozinho o nosso Sindicato não ter forças perante os patrões para garantir e ampliar os nossos direitos e conquistas.

“Durante os 365 dias do ano, o nosso Sindicato alerta os trabalhadores e trabalhadoras, atravs das assembleias e reuniões nas empresas, dos Boletins, do Jornal A Massa, das nossas redes sociais e do nosso site sobre a importância de fortalecer o nosso Sindicato, participando das ações realizadas, debatendo e deliberando sobre os temas em pauta, assim como, seguir as nossas orientações sobre a necessidade de nos mobilizarmos para conseguirmos bons resultados nas negociações com os patrões.” Alerta Chiquinho Pereira, presidente do nosso Sindicato.

SEM A MOBILIZAÇÃO DA CATEGORIA OS PATRÕES FICAM À VONTADE PARA NEGAR NOSSAS REIVINDICAÇÕES!

Para Chiquinho Pereira, a crise econômica, poltica, moral e tica que afeta o nosso pas s dificultam as coisas para o lado do trabalhador. O governo, ao invs de apresentar propostas de investimentos em infraestrutura, retomar o desenvolvimento, melhorar a economia e acabar com o desemprego faz Projetos, Leis e Medidas Provisrias que s têm servido para atender os interesses e objetivos do grande capital, das empresas e dos ricos. Para os trabalhadores e o povo, s o circo, porque at o pão ele quer tirar.

Nada, absolutamente nada que o governo Bolsonaro tem proposto beneficia os trabalhadores. At agora, as inmeras categorias do pas s têm perdido direitos e conquistas. Essa postura do governo favorvel para que os patrões fiquem bem vontade para retirar direitos e explorar, ainda mais, os seus funcionrios, sugando at sua ltima gota de sangue, e isso não exagero, pois que j est ocorrendo com inmeros trabalhadores brasileiros.

Portanto, se a nossa categoria em São Paulo deseja manter e ampliar os direitos e conquistas que estão na nossa Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), como reajustes acima da inflação, com aumentos reais nas clusulas econômicas como Piso Salarial, Participação nos Lucros e Resultados, Abono pelo Dia da Categoria (Dia do Padeiro), alm do Plano de Sade, Seguro de Vida, Cesta Bsica, Adicional Noturno, entre tantas outras conquistas, tem que participar da Campanha Salarial e fortalecer o Sindicato para enfrentar a ganância dos patrões, que estão vidos para resolver suas necessidades custa das necessidades e interesses dos trabalhadores.